Lula diz que vai reformar todos grandes aeroportos do país


BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje, durante a inauguração da área de embarque e desembarque do Aeroporto Internacional de Brasília – Juscelino Kubitschek, que em seu mandato nenhum aeroporto das grandes cidades do país ficará sem ser reformado.

Lula deixou claro que se o governo quer fazer do turismo uma das fontes de receita, é necessário oferecer aeroportos cada vez mais modernos. “As pessoas que tiverem que viajar ou trocar de avião aqui em Brasília terão algumas horas de melhor conforto. Poderão assistir um bom filme, dar sua corrida matinal. As pessoas não terão mais do que reclamar, a não ser que reclamem do preço da passagem. Eu acho que a comodidade vai permitir que as pessoas viajem com mais tranqüilidade”.

A ampliação da área de atendimento do Aeroporto Internacional de Brasília foi considerada importante pelo presidente Lula, por causa da qualidade de serviços que a capital da República oferece, “e é isso que o governo quer oferecer no Brasil inteiro”, disse Lula.

O presidente lembrou que não é possível São Paulo continuar com o Aeroporto de Congonhas, “inibido daquele jeito”, como não é possível também o Rio de Janeiro continuar com duas anormalidades. “O aeroporto Santos Dumont acanhado do jeito que é, e o Galeão praticamente esvaziado”. A idéia do governo, segundo Lula, é reestruturar os dois aeroportos para que o Rio de Janeiro tenha, não apenas a quantidade de aviões, mas a quantidade de passageiros que uma cidade bonita como o Rio merece ou uma cidade bonita e de negócios como São Paulo merece.

O presidente elogiou o trabalho que vem sendo desenvolvido pelo o presidente da Infraero, Carlos Wilson, e pediu a ele que procure junto aos empresários, a possibilidade de se construir um Hotel próximo ao Aeroporto de Brasília. “Acho que os passageiros que vão passar quatro ou cinco horas aqui, possam dormir perto daqui”, afirmou.

O Aeroporto Internacional de Brasília conta agora com uma área a mais de 45% do total que já tem. O novo espaço inclui uma nova área de embarque e desembarque e o terceiro piso destinado à área de lazer. O número de pontes de embarque passou de dez para treze e na área de desembarque quatro novas esteiras entrarão em funcionamento. No terceiro piso, com uma área de 12 mil metros quadrados, estarão 136 pontos comerciais, quatro salas de cinema, praça de alimentação e espaço para exposições.


16/12/2003

Fonte: Agência Brasil

 

Curso Licitações

11/12/2018

TCE libera licitação para show pirotécnico no Réveillon de João Pessoa

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) revogou nesta terça-feira (11), a...

12/12/2018

Sinop: prefeitura define licitação para construir novas unidades de saúde em quatro bairros

Uma empreiteira de Sinop venceu a licitação e ficará responsável pela ...

11/12/2018

Licitação seleciona nova empresa para o Restaurante Universitário

No próximo dia 20, às 10h30, será aberto o pregão eletrônico nº 80/201...

11/12/2018

Cida anuncia a construção de 2.486 moradias em 46 cidades do Paraná

O Governo do Estado investirá cerca de R$ 217 milhões na construção de...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita