Nova lei de saneamento privilegia parcerias


São Paulo - O secretário de Saneamento do Ministério das Cidades, Abelardo de Oliveira Filho, afirma que a proposta do novo marco regulatório do setor dará preferência a concessões e parcerias com a iniciativa privada. Faz sentido. A necessidade de investimento é de R$ 178 bilhões e os recursos públicos são escassos. Há certeza também sobre outro ponto: o poder concedente fica com os municípios.


26/04/2004

Fonte: Gazeta Mercantil

 

Curso Licitações

17/02/2019

São Vicente pode ter sistema misto de transporte

A Cooperlotação, atual responsável pelo transporte público de São Vice...

15/02/2019

Prefeitura retoma obras e UPA Norte I deverá ser entregue em até 12 meses

A Prefeitura de Belo Horizonte abriu licitação para finalizar a implan...

16/02/2019

Codiub faz licitação para rotativo que será oferecido a outras cidades

Codiub vai abrir licitação para contratar empresa especializada em ges...

16/02/2019

Serviços de limpeza custarão até R$ 11 mi

A Prefeitura de Jaú abriu ontem a licitação para contratar a empresa r...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita