Urbanitários querem saneamento fora da PPP


A comissão especial que estuda o projeto das Parcerias Público-Privadas (PL 2546/03) aguarda a discussão do substitutivo do relator, deputado Paulo Bernardo (PT-PR).

A Frente Nacional de Saneamento Ambiental, formada por vários sindicatos de trabalhadores de empresas de saneamento, quer que o relator faça uma ressalva no projeto para que as empresas de saneamento não possam participar de projetos nem de licitações nas Parcerias Público-Privadas, pois consideram que a água é um serviço essencial.

O secretário da Federação Nacional dos Urbanitários, Antônio Emilson de Carvalho, afirma que, a partir do momento em que a iniciativa privada comandar a água e o saneamento, poderá decidir implantar serviços em lugares que não são prioritários, levando em conta o fator econômico em vez das prioridades. Segundo ele, do total dos serviços na área, 80% vão para as residências e apenas 20% para as indústrias. Carvalho também teme um aumento de tarifas.


17/02/2004

Fonte: Agência Camara

 

Avisos Licitações

18/12/2018

Legislativo andreense reabre licitação para controle de acesso

A Câmara de Santo André oficializou a retomada de licitação que tem co...

18/12/2018

Beto Preto autoriza licitação de asfalto em mais quatro bairros

O Departamento de Compras e Licitação da Prefeitura de Apucarana já tr...

17/12/2018

CNPE autoriza licitações para áreas exploratórias de petróleo e gás natural

Em reunião realizada nesta segunda-feira, foi definido que as duas rod...

17/12/2018

Licitação para a implantação do teleférico de Juazeiro deve ocorrer neste mês

O turismo religioso que movimenta também a economia da Região do Carir...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita