Brasil quer mais participação em licitações da ONU


Pela primeira vez, o Brasil é sede de uma reunião anual do Grupo de Trabalho de Licitação Inter-Agência das Nações Unidas, responsável por compras de US$ 8 bilhões em 2004. Nesse mercado de ajuda humanitária, a participação do Brasil é de apenas 0,2%.
Para tentar incrementar a fatia do país, o Ministério das Relações Exteriores e a Fiemg (Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais) se juntaram e trouxeram para Belo Horizonte a 31ª edição do evento.
Iniciado ontem, o encontro reúne agências como a FAU, Unicef e Unesco, que fazem suas compras sempre por licitações.
Hoje acontece o seminário "Como fazer negócios com as Nações Unidas", que trata das condições para empresas participarem das licitações.


06/06/2006

Fonte: Folha de São Paulo

 

Avisos Licitações

15/07/2024

Processo de licitação para obras no Parque Ecológico Bernardo Sayão, no Lago Sul, é aberto

A Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (...

15/07/2024

Licitação para aluguel de 400 ônibus para São José dos Campos (SP) fracassa pela quinta vez

A tentativa de São José dos Campos, no interior de...

15/07/2024

Prefeitura vai contratar projetos de mais 70 ruas para pavimentação urbana e rural

Concórdia – O prefeito de Concórdia, Rogério Pache...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita