Venda de uniformes movimenta R$ 20 Mi


A venda de uniformes escolares deverá representar um incremento médio de 5% no faturamento das empresas de confecção locais neste ano, em relação a 2007. Com a proximidade do início das aulas, as vendas, que começam em novembro e se estendem em sua maioria até fevereiro, apresentam um aquecimento ainda mais acentuado. O comércio de uniformes escolares responde por cerca de 25% do faturamento do setor na capital amazonense.
Por ano, estima-se que a comercialização de fardamento escolar em Manaus movimente em torno de R$ 20 milhões somente com a rede de colégios particulares. "Temos aproximadamente 300 escolas e um total de quase 200 mil alunos. Ao contrário do estado e da prefeitura, que fazem licitação, a maioria delas adquire o fardamento de empresas locais, o que impulsiona o setor", diz o presidente do Sindicato das Indústrias de Confecções de Roupas, Chapéus e Material de Segurança (Sindconf), Engels Medeiros.
Uma das queixas da categoria é a falta de oportunidade das empresas locais, em sua maioria de pequeno porte, de competir nas licitações do município e do estado. "Se as licitações não fossem por lote global, daria oportunidade para mais gente."


01/02/2008

Fonte: DCI

 

Avisos Licitações
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita