Tribunal modifica Acórdão sobre licitação em Colíder


Acompanhando o voto do conselheiro relator Júlio Campos, o Pleno do Tribunal de Contas deu provimento ao Recurso de Reconsideração interposto pelo prefeito de Colíder, Celso Paulo Banazeski, cancelando o teor da Decisão Administrativa 42, aprovada pelo Tribunal Pleno no ano passado.
Por meio da Decisão Administrativa recorrida, o Pleno havia suspendido um processo licitatório realizado pela Prefeitura, na modalidade Tomada de Contas, até julgamento de mérito.
De acordo com o conselheiro Júlio Campos, a análise do mérito ficou prejudicada porque o item que acarretou a impugnação do edital da licitação foi solucionado em instância administrativa da Prefeitura.
Na análise do Recurso, Júlio Campos concluiu que “não se vislumbrou qualquer ilegalidade ou irregularidade que pudessem aniquilar o Edital de Licitação”. Segundo sua avaliação, o governo municipal de Colíder buscou a proposta mais vantajosa para a administração pública e não tentou restringir a participação de licitantes no certame, atendendo aos princípios constitucionais e legais.


18/04/2007

Fonte: 24HorasNews

 

Avisos Licitações

01/01/2024

Cursos On Line AO VIVO - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso On Line Ao Vivo da Nova Lei de Licitação e...

29/01/2024

Curso On Line - Ao Vivo de Formação de Analista de Licitação e Contratação Pública

O Curso de formação Analista de Licitação ONLINE A...

15/03/2024

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública - Florianópolis/SC

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita