Site Licit@pira será lançado pela Prefeitura em abril


Piracicaba (SP) - A partir de 1° de abril, todas as compras realizadas pela Prefeitura, avaliadas em até R$ 8 mil, consideradas de pequeno porte, que normalmente não passam pelo processo tradicional de licitação, poderão ser feitas via online.Denominado de Licit@pira, o novo site (www.licitapira.piracicaba.sp.gov.br), implantado pelas Secretarias Municipais de Finanças e Administração, ao custo de R$ 148 mil, ampliará a transparência das aquisições de cadeiras, pneus, medicamentos, entre outros itens fundamentais à estrutura das pastas, sem contar a redução do tempo destinado às compras.
A previsão é de que, a partir da novidade, os negócios apresentem uma redução de 5% a 10% ainda em 2008. Cerca de 60% do custeio da Prefeitura ocorre nasformas de pregões eletrônico e presencial, hoje em dia o mais ativo no poder público.
Se em 2006 o pregão eletrônico representava 120 processos, bem mais que os 102 presenciais (com a participação direta dos fornecedores), no ano passado o panorama se inverteu. Foram realizados 87 pregões eletrônicos e 179 com a presença de empresários.
Apenas entre 2005 e 2007, quando os pregões foram intensificados, houve uma economia de R$ 14 milhões aos cofres da Prefeitura. Pronto, o site permitirá, ainda, a criação do ‘156 (prefixo telefônico mantido pelo município) online’, além de concessão de alvarás e aberturas de companhias.
Tudo de maneira prática e segura, pelo computador, sem a necessidade de o contribuinte se dirigir ao prédio da Prefeitura (Centro Cívico).

Nada de coleta
Com a implantação do Licit@pira, será atendida uma reivindicação antiga apresentada pela Associação Comercial e Industrial de Piracicaba (Acipi), que pleiteia a participação mais efetiva de empresários locais aos procedimentos liderados pelo Executivo.
Algumas coisas tendem a mudar. “Com o site, segundo o secretário de Administração, Newton Furucho, as três coletas de preços feitas para compras de menor valor, por exemplo, deixarão de existir. A escolha, que priorizará o critério do preço baixo, entre todos, acontecerá após indicação das empresas”, salienta. Outra boa notícia: em vez da convencional pesquisa de mercado, a Prefeitura disporá de um banco de preços, inexistente no momento.
Num simulado apresentado ontem (25) à tarde, à imprensa, por Furucho e pelo secretário de Finanças, José Admir Moraes Leite, foi demonstrado, na prática, como funcionará o sistema.
O fornecedor habilitado pelo site acompanhará todo o desenrolar da compra.
A Prefeitura, por sua vez, de acordo com Wander Viana Santos, chefe de divisão de compras da Secretaria da Administração, não terá acesso direto a informações sobre as empresas, durante o pregão. “A idéia é manter a transparência total dos processos, evitando supostos favorecimentos a alguma firma ou prestadora de serviços”, argumenta.


26/02/2008

Fonte: Gazeta de Piracicaba

 

Curso Licitações

01/01/2024

Cursos On Line AO VIVO - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso On Line Ao Vivo da Nova Lei de Licitação e...

29/01/2024

Curso On Line - Ao Vivo de Formação de Analista de Licitação e Contratação Pública

O Curso de formação Analista de Licitação ONLINE A...

15/03/2024

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública - Florianópolis/SC

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

12/04/2024

Aberta licitação para construção da sede da Administração de Sol Nascente/Pôr do Sol

A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita