Prefeitura vai trocar piso de toda a Paulista


Após cinco anos de discussões, foi aberta ontem a licitação para a reforma das calçadas da avenida Paulista. O piso será trocado em toda a extensão da via --da praça Oswaldo Cruz à rua da Consolação. A sinalização também será refeita. O custo total estimado do projeto é de R$ 10 milhões.
Em uma segunda etapa, o chamado mobiliário urbano será trocado. Aí estão incluídos lixeiras e tótens de sinalização. De acordo com o secretário de Coordenação de Subprefeituras e subprefeito da Sé, Andrea Matarazzo, cerca de 60 tótens foram roubados nos últimos anos e serão reinstalados. A reforma na Paulista se integra ao projeto de melhorias da região. As calçadas da avenida Doutor Arnaldo também serão reformadas e se enquadrarão em novo projeto arquitetônico que inclui pequenas praças no entorno das bancas de flores. A obra já foi contratada.
Além disso, cerca de 50 câmeras serão instaladas nas duas avenidas e nas ruas que cortam a Paulista. Matarazzo disse que foi fechado acordo com a Febraban (Federação Brasileira de Bancos), que fará a compra e a instalação das câmeras e as doará para a prefeitura. Custo total: R$ 4 milhões. O secretário calcula que, se não houver problema na licitação, toda reforma da região estará concluída até o fim do ano.
Matarazzo disse que, ao contrário do que está sendo feito com ruas comerciais como a Oscar Freire e a Avanhandava, a reforma será bancada pela própria prefeitura. "Trata-se de uma via estrutural e é nossa obrigação manter. Mas vamos procurar os bancos e as grandes empresas que estão instaladas na Paulista para que nos ajudem a bancar a obra." Nas ruas comerciais, parte do custo das obras está sendo bancada pelas empresas.

Concreto
O piso que será colocado em toda a extensão da Paulista foi testado na própria avenida, entre as ruas Frei Caneca e Augusta, em frente ao Center 3. O material usado é concreto moldado in loco com juntas de dilatação de latão. As cores são um pouco diferentes do teste: cinza médio nas esquinas e cinza grafite no resto.
A cor ficou um pouco mais escura que a do teste. A explicação de Matarazzo: "É por causa do chiclete que o pessoal joga. Fizemos um pouco mais escuro para confundir com a cor do chiclete depois de pisado. Até nisso a gente tem de pensar".


03/02/2007

Fonte: Folha de S.Paulo

 

Curso Licitações

20/04/2024

Prefeitura de Gurupi publica licitação para construção da nova Rodoviária

Foi publicado na edição do Diário Oficial de Gurup...

20/04/2024

Governo vai construir mais 11 pontes de concreto em todo o Estado

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logísti...

20/04/2024

Prefeitura de Caxias abre nas próximas semanas licitação para implantar telemedicina

A Prefeitura de Caxias do Sul abre nas próximas se...

20/04/2024

Prefeitura insiste na revitalização do Bariri: nova licitação já foi publicada

Publicada a nova licitação para a construção do Pa...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita