Prefeitura abre licitação para restauração de Parque


Seis meses depois da visita da Gazeta ao Parque do Mirante, quando foi constatada a situação de abandono do local considerado um dos cartões-postais da cidade, a Prefeitura de Piracicaba autorizou a abertura de licitação neste início de novembro para reforma e revitalização daquele espaço. As obras estão orçadas em R$ 170 mil, com recursos da própria prefeitura e envolvimento das Secretarias Municipais de Defesa do Meio Ambiente (Sedema), Obras (Semob), Turismo (Setur) e Ipplap (Instituto de Pesquisas e Planejamento de Piracicaba). Com a recuperação, a prefeitura espera estimular a visitação àquele espaço, atraindo o público também com realização de eventos.
O principal foco a ser atacado é a segurança, apontada pelos poucos freqüentadores como precária ou inexistente. Além de aumentar a ronda policial, será feita a limpeza de todo o bosque, de maneira que o visitante possa visualizar melhor os corredores do parque.
“Por medo, muitos piracicabanos sequer conhecem o Parque do Mirante. Queremos criar atrativos para chamar a atenção de pessoas de todas as idades, para que visitem mas se sintam seguras”, disse o presidente do Ipplap, João Chaddad.
Serão feitas duas novas entradas ao parque, totalizando quatro - uma ao lado da ponte Irmãos Rebouças, com facilidade de acesso a portadores de deficiências, e outra no meio do parque, que facilitará a chegada aos mirantes dos sanitários inferior e superior. Os dois novos acessos somarão com os já existentes em frente ao restaurante Mirante e ao lado do Véu da Noiva.
Todas as lâmpadas de vapor de sódio serão substituídas pelas de capor metálico, iluminando inclusive o Salto e o Véu da Noiva.
Pisos e muretas serão reconstruídos de acordo com o desenho original (mosaico português), com limpeza por jateamento e pintura em cor ainda a ser definida. entre o verde e o laranja, que tem marcado as obras dessa administração tucana.
Um dos terraços cobertos, localizado no meio do parque, onde estão os sanitários masculino e feminino, será totalmente reformado. No local, a prefeitura irá estudar a implantação de um comércio para que mais pessoas freqüentem o espaço. Nos sanitários haverá banheiros especiais para portadores de deficiências.
Todo o gradil verde que hoje fecha o parque, será retirado, deixando o local aberto, com a finalidade de provocar uma sensação de agradabilidade.
Chaddad afirma que uma das opções ainda em fase de estudo é o alargamento das calçadas internas, em direção ao rio, sem prejuízo à vegetação existente.
Do lado externo do Parque do Mirante, a proposta é reativar o espelho d’água localizado ao lado da guarita da Guarda Civil, na primeira entrada do parque. Próximo à fonte, serão instalados brinquedos de um parque infantil para atrair as crianças, que por conseqüência acabam trazendo os adultos. Ao lado, será construído um deque em madeira para facilitar a contemplação do rio Piracicaba pelos visitantes.
A Sedema estuda a redistribuição das datas de realização da feira de artesanatos, incluindo o Parque do Mirante no roteiro do evento aos finais de semana, depois da reforma. Também devem ser promovidos no local eventos culturais e artísticos, como apresentações musicais e teatrais, inclusive no período noturno. “Estamos somando idéias sobre o que pode ser feito para que as pessoas voltem a enxergar o Parque do Mirante como um espaço público seguro para os passeios, como há quase 40 anos”, disse o presidente do Ipplap. “O rio é a alma da cidade e o Mirante é a janela para o rio”, comentou.
As obras devem ser iniciadas este ano e o prazo previsto para conclusão é março de 2008.
Segundo Chaddad, o parque integra um dos oito trechos em que foi dividido o projeto Beira-Rio, que contemplará obras de recuperação desde Santa Teresinha ao Monte Alegre. Porém, há casos específicos aos quais a prefeitura pretende dedicar especial atenção, como o próprio Parque do Mirante e o Engenho Central, onde estão sendo realizadas parcerias para a reforma de armazéns que irão abrigar o acervo do Salão Internacional de Humor e o futuro Museu do Açúcar de Piracicaba.


01/11/2007

Fonte: Gazeta de Piracicaba

 

Avisos Licitações

15/07/2024

Prefeitura vai contratar projetos de mais 70 ruas para pavimentação urbana e rural

Concórdia – O prefeito de Concórdia, Rogério Pache...

14/07/2024

Prefeitura de Naviraí busca empresas para assumirem contratos milionários de plantões médicos

A Prefeitura de Naviraí – a 361 km de Campo Grande...

14/07/2024

Projeto Cidade da Polícia: município se reúne com Estado e licitação para obra está próxima

A Prefeitura de Passo Fundo detalhou, no último di...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita