PF vai pedir renovação da prisão de servidores


A Polícia Federal preparava ontem o pedido de renovação da prisão temporária dos oito servidores e empresários do setor de segurança que continuavam presos em Brasília. O prazo da prisão decretada na semana passada terminaria à 0h de hoje e, se a PF não pedisse a renovação, os acusados seriam soltos automaticamente.
Ontem o Tribunal Regional Federal da 1ª Região concedeu habeas corpus a dois servidores, Vera Lúcia Borges, presidente da comissão permanente de licitação do TCU, e Fernando Cesar Almeida, chefe de Segurança do órgão.
Ontem, o presidente do TCU (Tribunal de Contas da União), Valmir Campelo, reuniu os funcionários do órgão para falar sobre os indícios de fraude apontados pela Operação Sentinela, da PF, em duas licitações do tribunal, que contariam com a conivência dos servidores. Campelo disse aos funcionários que não haverá prejulgamento e os servidores acusados de praticar irregularidades terão direito a ampla defesa.


07/12/2004

Fonte: Folha de São Paulo

 

Curso Licitações

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

02/02/2023

Prefeitura de SP abre licitação para manutenção das ciclovias da capital

A Prefeitura de São Paulo, através da SMT (Secreta...

01/02/2023

Prefeitura divulga edital de licitação para construção de um novo ESF Caçador

Os moradores do bairro Caçador ganharão uma nova s...

01/02/2023

Prefeitura de Taubaté revoga licitação para compra de material escolar

A prefeitura de Taubaté revogou a licitação para c...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita