PF prende empresários e servidores acusados de fraude em licitação


A Polícia Federal divulga nesta quarta-feira os resultados da Operação Vampiro, que investiga fraude em duas concorrências internacionais para a compra de hemoderivados (produtos utilizados para o tratamento de pacientes renais).
Segundo a assessoria da PF, as licitações eram no valor de US$ 300 milhões e empresários, lobistas e funcionários do Ministério da Saúde foram presos.
Hoje pela manhã foi realizada uma operação de busca e apreensão de computadores no Ministério da Saúde. Há suspeita que possam conter nos equipamentos arquivos que provem as fraudes. Também foi feita uma busca na casa dos envolvidos.
Os suspeitos atuavam em Brasília, São Paulo (onde foram presos três empresários) e no Rio de Janeiro (onde duas pessoas foram presas).
O ministro da Saúde, Humberto Costa, determinou o desligamento de todos os envolvidos na fraude.


19/05/2004

Fonte: Folha Online

 

Curso Licitações

23/02/2024

Governo ES realiza Concurso Público: Ceasa-ES abre licitação para banca examinadora

Nesta última sexta-feira (23), a Ceasa-ES anunciou...

24/02/2024

Governo faz dispensa de licitação de R$ 225,6 milhões em programa de assistência técnica rural

O governo do estado convocou entidades de assistên...

23/02/2024

Prefeitura anuncia licitação para construção do Centro Administrativo

No dia 21 de fevereiro de 2019, Ribeirão Preto con...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita