Petrobras Rejeita Preço Zero Em Concorrência


A polêmica das propostas comerciais "zero" não deverá se repetir na licitação da Petrobras. é o que garante Luís Antônio Vargas, gerente de publicidade e promoções da estatal e responsável pela coordenação do processo. Ele avisa que apenas as três agências vencedoras na proposta técnica terão abertos seus envelopes com as propostas comercias e que serão rejeitadas todas consideradas de difícil execução.
"Não aceitaremos nenhuma proposta comercial inexeqüível ou que fira as regras do CENP (Conselho Executivo das Normas-Padrão). Das três propostas técnicas vencedoras, a que tiver o menor preço será oferecida à melhor classificada. Não haverá surpresas", promete o executivo da Petrobras. Na próxima semana, serão anunciadas as agências habilitadas para terem suas propostas técnicas analisadas.
Após essa fase, serão esperados os cinco dias para recursos e então iniciadas as análises das propostas técnicas. A verba anual a ser administrada pelas três agências vencedoras é de R$ 250 milhões. Das 41 que retiraram o edital, 20 entregaram propostas. Vargas diz que a comissão da licitação trabalha para concluir o processo até o início do próximo mês.
Vargas também esclare que mudou um dos itens do edital sobre descontos e bônus que deveriam ser revertidos à Petrobras, ressaltando que a Petrobrás entende a BV (bonificação por volume) como "um incentivo dos veículos às agências e uma prática comum prevista pelo CENP .


08/02/2007

Fonte: Meio e Mensagem

 

Curso Licitações

23/04/2024

PG abre licitação de quase R$ 8 mi para formar 'muralha digital'

A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa abriu uma l...

23/04/2024

Ceasa-ES anuncia abertura de licitação para solução de controle e acesso

Na última quarta-feira (17), a Centrais de Abastec...

23/04/2024

PMJP fará licitação para construir ponte Mangabeira-Valentina

Abrindo as comemorações do aniversário de 41 anos ...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita