Novo corredor custará R$ 1,3 bi


Brasília – O projeto para criar um novo corredor de exportação que desembocará no Porto de São Sebastião, no litoral norte paulista, está pronto. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, aprovou o pacote de licitações necessárias à execução das obras, que agora será encaminhado ao conselho do Programa Estadual de Desestatização (PED). Os editais de licitação devem ser publicados em janeiro.
Serão demandados investimentos de R$ 1,3 bilhão nos próximos quatro anos - a maior parte paga pela iniciativa privada - para que o corredor esteja concluído em 2008, informou o secretário estadual de Transportes, Dario Rais Lopes, em entrevista ao Valor. Essa deverá ser uma das principais obras da segunda metade do mandato do governador.
O objetivo é criar uma alternativa de escoamento mais eficiente para empresas instaladas na região de Campinas e do Vale do Paraíba. O corredor será baseado em rodovias já existentes, mas que carecem de obras de expansão para comportar o fluxo de cargas. Seu traçado inclui as rodovias Dom Pedro (Campinas) e Tamoios e o complexo viário Ayrton Senna/Carvalho Pinto. "Esse corredor e o Porto de São Sebastião têm vocação para cargas de alto valor agregado, como veículos e eletroeletrônicos", disse. "É diferente de Santos, que movimenta carga geral."
Aos poucos, algumas montadoras começam a utilizar o porto. A Volkswagen iniciou os embarques em abril. Amanhã acontece a maior operação já realizada em São Sebastião. Trata-se de uma carga de 4.540 veículos da General Motors. Os veículos dos modelos Astra, Corsa, Meriva e Montana foram fabricados em São José dos Campos e São Caetano e têm como destino o Porto de Altamira, no México. O embarque da GM se tornou viável porque o governo concluiu a construção de novos dolfins - estruturas de concreto para amarração de cargueiros de maior porte. A capacidade de embarque de veículos dobrou, para 4,9 mil unidades.
A infra-estrutura de acesso ao porto, armazenamento e embarque ainda deixa a desejar. É isso que o projeto do corredor pretende resolver. "Quando o corredor estiver pronto, haverá capacidade para 4 milhões de toneladas por ano", diz o secretário. Hoje são embarcadas 400 mil toneladas anuais em São Sebastião. Em Santos, são 60 milhões de toneladas.
Lopes não revela qual a equação financeira que viabilizará todos os investimentos necessários. "Só depois da aprovação pelo PED." Mas ele deixa algumas pistas.
O total de R$ 1,3 bilhão em investimentos envolve a ampliação do porto, melhorias nas rodovias Dom Pedro, Ayrton Senna e Carvalho Pinto, a duplicação da Tamoios e a construção de contornos nas cidades litorâneas de Caraguatatuba e São Sebastião. A maior parte dos recursos irão para a parte rodoviária. Os contornos, que evitarão que os caminhões passem por dentro das cidades, terão custo elevado, por causa da construção de túneis na região serrana.
As rodovias Dom Pedro e Carvalho Pinto/Ayrton Senna serão concedidas à iniciativa privada. Empresas do setor como a CCR e a OHL já demonstraram interesse pelas estradas. Quem levar a Carvalho Pinto/Ayrton Senna terá como ônus da concessão executar a duplicação de parte da Tamoios.
O porto também será arrendado à iniciativa privada. E a empresa concessionária deverá fazer parte das obras de ampliação. Os investimentos totais em São Sebastião são da ordem de R$ 80 milhões. O projeto de expansão ficará pronto em dezembro e prevê, entre outras coisas, a construção de um novo pier, de 250 metros de extensão - o atual tem 150 metros.


09/11/2004

Fonte: Valor Econômico

 

Curso Licitações

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

03/02/2023

MPF divulga pregão eletrônico para aquisição de água mineral para unidade no PI

O Ministério Público Federal (MPF) torna público o...

03/02/2023

Licitação para ampliação do aeroporto de Cachoeiro pode sair neste ano

O projeto de reforma e ampliação do Aeroporto Muni...

03/02/2023

Raquel Lyra abre nova licitação de R$ 303 milhões. Saiba para qual finalidade

O Governo do Estado abriu uma licitação de R$ 303....
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita