Murilo é investigado por fraude em licitação e remédios superfaturados


Várzea Grande - A Polícia Judiciária Civil abriu inquérito policial para investigar uma suposta compra de medicamentos superfaturados pela prefeitura de Várzea Grande na gestão do prefeito Murilo Domingos (PR). As investigações estão transcorrendo em sigilo sob a responsabilidade do delegado fazendário Massao Ohara.
O alvo da investigação é a concorrência pública de número 39 realizada em 2005. À época, a secretaria de Saúde, comandada à época pelo médico Arilson Arruda (DEM), fez uama licitação de cerca de R$ 560 mil para compra de remédios para atender a rede pública.
Além de investigar superfaturameno, a Polícia Civil suspeitaque houve fraude na licitação com privilégios para algumas empresas. O ex-secretário Arilson Arruda e o prefeito Murilo Dmingos já foram notificados para prestar esclaraceimentos.
O processo que investiga a fraude na licitação é criminal e está no Tribunal de Justiça. O relator é o desembargador Carlos Roberto Pinheiro, que aguarda as diligências da Políca Civil para dar prosseguimento a ação criminal contra prefeito Murilo Domingos e os gestores da pasta em 2005.


05/03/2008

Fonte: Jornal O Documento

 

Avisos Licitações

19/06/2024

Governo do Estado lança licitação para requalificação do Parque de Pituaçu

A licitação para requalificação do Parque Metropol...

19/06/2024

Palhoça autoriza licitação para novo hospital municipal

O prefeito Eduardo Freccia (PSD) anunciou nesta qu...

19/06/2024

Eletronuclear prevê licitação de Angra 3 para primeiro semestre de 2025

BRASÍLIA – O presidente da Eletronuclear, Raul Lyc...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita