Licitação Suspeita


O Ministério da Saúde realiza nesta quarta-feira uma polêmica licitação para escolher a "agência de eventos" que vai torrar uma verba de até R$ 120 milhões. A escolha, na verdade, já teria sido feita: a agência Aplauso, dona de outros 62 contratos do gênero, no governo federal. O ministério alega que gastará no máximo R$ 36 milhões no primeiro ano - ainda assim, o dobro das despesas em combate e prevenção de doenças como a dengue.
O edital do Ministério da Saúde, preparado na área de Logística, permite a manipulação da planilha de preços, favorecendo a empresa Aplauso.
Assessores do ministro José Temporão (Saúde) dizem que tentaram suspender a licitação, sem êxito. Dizem que "a máfia venceu".
José Sarney quer fazer da protegida Emília Ribeiro a candidata do PMDB ao conselho da Agência Nacional de Telecomunicações, a Anatel.
O PT-MG insiste em tornar diretor da Anatel Nilberto Miranda (irmão do ex-ministro Nilmário Miranda), recém-demitido da superintendência executiva.
Funcionários da Nossa Caixa enviaram dossiê ao governador paulista José Serra com denúncias contra Milton Luiz Santos, presidente do banco. Acusa pagamentos à Tecban, empresa que administra o Banco 24 Horas, de um adicional por saques e consultas não comprovados. Santos nega qualquer irregularidade, mas admite que os serviços são tarifados no Banco 24 Horas mesmo quando a operação não se completa, o que pode suscitar queixas.
Diz o dossiê para José Serra que o contrato com a Tecban foi intermediado pela Cobra Tecnologia quando a dirigia Wilmar Knoth, hoje na Nossa Caixa.
Tem razão o escritor Paulo Coelho, que, na cerimônia da Fifa, comparou com sexo nossa paixão por futebol: as bolas do brasileiro estão no pé.
Se recursos da CPMF pagam despesas com o funcionalismo federal, então CPMF quer dizer Contribuição Para Manter Funcionário.
O presidente do BC, Henrique Meirelles, indicou ao governador do DF, José Roberto Arruda, o experiente funcionário de carreira Francisco Flávio Sales Barbosa, 65, para a diretoria do BRB. Ele responderá pela presidência.
O secretário da Fazenda do GDF, Luiz Tacca, não tem sorte no BRB. Após sugerir três nomes que se enrolaram em suspeitas, indicou para a diretoria financeira do banco José Ernesto Duarte de Almeida, co-réu desde 2005 em ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal.
O ministro Nelson Jobim (Defesa) demitiu o general Synésio Fernandes do Departamento de Organização, substituindo-o por um civil, Rubens Sakay, a pretexto de "reestruturação administrativa". Os militares estão indignados.
O presidente da Agência Nacional de Aviação Civil, Milton Zuanazzi, deixa hoje o cargo com direito a pá-de-cal: Anchieta Hélcias, lobista ligado às empresas aéreas, saiu ontem sua defesa. Ninguém merece.
Para garantir um certo padrão de qualidade nas imagens, repórteres de tevê ajudam a líder do PT no Senado, Ideli Salvatti (PT-SC), encobrindo com microfones e gravadores as alças sempre expostas do sutiã. Ela nem nota.
O Supremo Tribunal Federal reconheceu Hélio Marques, 51, como filho do dono do SBT, Silvio Santos, após longa batalha judicial. Ele usará o sobrenome Abravanel. É o único filho na prole de meninas da família.
O leite tem soda cáustica e água oxigenada, o queijo tem validade fajuta. A vaca ainda acaba presa por falsificação fisiológica.


31/10/2007

Fonte: DCI

 

Avisos Licitações

01/01/2024

Cursos On Line AO VIVO - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso On Line Ao Vivo da Nova Lei de Licitação e...

29/01/2024

Curso On Line - Ao Vivo de Formação de Analista de Licitação e Contratação Pública

O Curso de formação Analista de Licitação ONLINE A...

15/01/2024

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública - Florianópolis/SC

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

01/03/2024

Prefeitura obtém orientação da CBB e abrirá nova licitação para trocar piso do Moringão

Após conseguir obter uma normativa técnica expedid...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita