Grupo vê vício na licitação do lixo e tenta anulá-la


Campo Grande - Empresas apresentaram recursos administrativos para pedir o cancelamento da licitação da nova empresa de lixo, cujo contrato por cinco anos prevê faturamento de R$ 72 milhões. Elas apontam “vícios” e “exigências” feitas no edital 032/05 para beneficiar a Financial Construtora Industrial, “vencedora” da seleção feita no início do mês, ou a Vega Engenharia Ambiental, que foi detentora dos serviços por 24 anos.
Caso o prefeito Nelsinho Trad (PMDB) não anule a concorrência pela segunda vez, a primeira foi em fevereiro deste ano, grupos poderão ingressar com mandado de segurança na Justiça para o suspender o processo e obrigar a prefeitura a adequar-se à Constituição Federal e à Lei 8.666, de 21 de junho de 1993, incluindo na concorrência “os princípios da isonomia e probidade” a fim de selecionar a “proposta mais vantajosa para a administração pública”.


28/09/2005

Fonte: Correio do Estado

 

Avisos Licitações

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

02/02/2023

Prefeitura de SP abre licitação para manutenção das ciclovias da capital

A Prefeitura de São Paulo, através da SMT (Secreta...

01/02/2023

Prefeitura divulga edital de licitação para construção de um novo ESF Caçador

Os moradores do bairro Caçador ganharão uma nova s...

01/02/2023

Prefeitura de Taubaté revoga licitação para compra de material escolar

A prefeitura de Taubaté revogou a licitação para c...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita