Grande Cuiabá ganhará mais 50 câmeras eletrônicas no combate a violência


Várzea Grande - O Governo do Estado deve publicar nos próximos 40 dias o edital de licitação para instalação de 50 novas câmeras de vigilância na Grande Cuiabá. Os equipamentos integram o sistema de Vigilância Eletrônica Monitorada (VEM), em funcionamento há dois anos na capital. A ampliação do projeto foi discutida nesta quarta-feira (05) pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), que recebeu representantes de algumas empresas interessadas em fornecer o serviço.
Atualmente, a Sejusp possui nove câmeras instaladas no centro da Capital e, desde janeiro, outros quatro equipamentos, sem fio, foram instalados para teste nos bairros Pedra 90, Tijucal, CPA II e Porto.
O secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Carlos Brito, afirmou que os índices de criminalidade devem reduzir significativamente com a instalação das novas câmeras, a exemplo do primeiro ano do VEM, quando, com apenas nove equipamentos, registrou-se redução de 40% nas ocorrências no centro da capital.
“As câmeras serão instaladas em Cuiabá e em Várzea Grande e as parcerias públicas ou privadas podem contribuir com o aumento de pontos monitorados”, destacou Brito, ressaltando que se as empresas disponibilizarem câmeras em áreas centrais, os demais equipamentos poderão ser transferidos para os bairros com maiores índices de violência.
O projeto de ampliação do sistema prevê a contratação de pontos de monitoramento e não a compra de equipamentos como acontece com as câmaras instaladas no centro de Cuiabá. Com a nova proposta, a manutenção e utilização de equipamentos serão de responsabilidade da empresa fornecedora. O Centro Integrado de Operações e Segurança Pública (Ciosp), a exemplo do que acontece atualmente, continuará responsável pelo monitoramento 24 horas da imagem.
Segundo o coordenador do Ciosp, major BM César Viana de Brum, com o novo projeto, 10% das câmeras não terão pontos fixos e sim alternados de acordo com as necessidades. “A iniciativa vai possibilitar que os equipamentos sejam transferidos, ou seja, quando determinado bairro registrar muitas ocorrências, mudamos o foco do monitoramento, bem como em casos de eventos que concentrem um grande número de pessoas”.
VEM – O monitoramento das imagens é feito em tempo real por policiais do Ciosp, no prédio da Sejusp. As câmaras têm capacidade de resolução de mobilidade, giram 360º horizontal e 80º vertical o que possibilita a visualização de placas de carros de uma distância de até 400 metros.


05/03/2008

Fonte: Jornal O Documento

 

Avisos Licitações

01/01/2024

Cursos On Line AO VIVO - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso On Line Ao Vivo da Nova Lei de Licitação e...

29/01/2024

Curso On Line - Ao Vivo de Formação de Analista de Licitação e Contratação Pública

O Curso de formação Analista de Licitação ONLINE A...

15/03/2024

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública - Florianópolis/SC

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita