Governo mineiro intensifica gastos com tecnologia


São Paulo - Participação do Estado salta de 40% para 73% no orçamento para integração da rede. O governo de Minas Gerais prevê novos investimentos no projeto de informatização e integração operacional das polícias civil, militar e do corpo de bombeiros. No ano passado, foram destinados cerca de R$ 28 milhões - R$ 17 milhões do governo federal e R$ 11 milhões do estadual - para o desenvolvimento de sistemas e aquisição de equipamentos. Para 2005, o orçamento previsto do chamado Sistema Integrado de Defesa Social (SIDS) é de R$ 24 milhões. Desse total, R$ 17,5 milhões são recursos estaduais e R$ 6,5 milhões, federais.
As polícias militar e civil já receberam cerca de mil computadores e 500 impressoras, além de roteadores e switches. E o governo mineiro prepara novas licitações até o final do ano para mais equipamentos de informática e novas tecnologias. Estão nos planos da Secretaria de Defesa Social de Minas Gerais o uso de notebooks em viaturas, de rede sem fio e aparelhos GPS. "Há também muito a ser investido no interior do estado. Ainda temos pela frente o desafio de multiplicar as experiências", afirmou a diretora de análise e inteligência criminal da secretaria de defesa social, Geórgia Ribeiro Rocha, responsável pelo projeto.
Com cerca de 16 milhões de habitantes, o estado de Minas Gerais possui 500 unidades da Polícia Civil, 422 da Polícia Militar (PM) e 14 do corpo de bombeiros na região metropolitana de Belo Horizonte. No interior, conta hoje com 1.868 unidades da Polícia Civil, 1.996 da PM e 36 dos bombeiros.
A primeira fase do SIDS envolve a integração das polícias militar e civil e o corpo de bombeiros. Mas o governo mineiro quer atingir o Ministério Público, a Justiça estadual e o Sistema Penitenciário. "O que se pretende é integrar todas as bases de dados das polícias, Ministério Público, tribunais e a área penitenciária, cobrindo todo o ciclo de Justiça", disse ela.
Para isso, além de investir na atualização da plataforma tecnológica desses órgãos, o governo de Minas Gerais criou o primeiro Centro Integrado de Atendimento a Emergências Policiais e Despacho de Patrulhas (CIAD), que funciona como um call center para a região metropolitana, em Belo Horizonte. A unidade concentra todas as ligações telefônicas realizadas para as polícias civil e militar e para o corpo de bombeiros. "Todas as chamadas para o 190, 193 ou 197 são canalizadas para a mesma central telefônica, o que permite o atendimento mais ágil", afirmou a responsável pelo projeto.
O governo mineiro pretende iniciar a implantação de mais três CIADs este ano. Uberlândia, Uberaba e Juiz de Fora serão os municípios beneficiados pelo projeto. A diretora estima investimentos de R$ 3 milhões para cada central.
Outra iniciativa é a criação de um sistema único de registro on-line do Boletim de Ocorrência (BO), independente do órgão responsável por seu cadastro. O Registro de Evento de Defesa Social (REDS) já está em fase de implantação em Vespasiano, na região metropolitana da capital mineira. "O sistema permitirá o registro, pela web, de qualquer ocorrência em uma única entrada e uma única base de dados", afirmou a diretora, acrescentando que, com essa troca de informações, os órgãos terão acesso a dados mais precisos e estatísticas criminais mais confiáveis.
Policiais e bombeiros também estão testando o uso de notebooks em veículos para a validação imediata de dados dos envolvidos na ocorrência e o registro do BO no REDS. A Polícia Militar, inclusive, está preparando o edital de licitação para aquisição de cerca de 100 notebooks, informou Geórgia.
A solução utilizada no SIDS foi desenvolvida pela canadense Mobilair e uma equipe de pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) vem trabalhando no aperfeiçoamento do software. O projeto conta ainda com a participação da Companhia de Processamento de Dados do Estado.


03/05/2005

Fonte: Gazeta Mecantil

 

Avisos Licitações

02/02/2023

Prefeitura de SP abre licitação para manutenção das ciclovias da capital

A Prefeitura de São Paulo, através da SMT (Secreta...

01/02/2023

Prefeitura divulga edital de licitação para construção de um novo ESF Caçador

Os moradores do bairro Caçador ganharão uma nova s...

01/02/2023

Prefeitura de Taubaté revoga licitação para compra de material escolar

A prefeitura de Taubaté revogou a licitação para c...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita