Governo dos EUA fará nova licitação para trabalhos após furacões


O Governo dos Estados Unidos realizará uma nova licitação para a concessão de contratos de limpeza e reconstrução das regiões do sul do país devastadas pelos furacões Katrina e Rita, informaram fontes oficiais.
David Paulison, diretor da Agência Federal para Gestão de Emergências (Fema) disse que a nova licitação incluirá contratos assinados sem concorrência e que excluíram empresas locais.
"Vamos oferecer concurso público para estes contratos nos quais não houve concorrência", disse Paulison durante uma audiência ao Comitê de Segurança Nacional do Senado.
Fontes da Fema disseram que, após a passagem das tempestades, foram estabelecidos contratos no valor de US$ 1,5 bilhão - muitos deles sem concorrência - para limpar e iniciar a reconstrução da região devastada, que inclui os litorais dos estados da Louisiana, Mississippi e Alabama.
Paulison afirmou que estes contratos foram concedidos sem a realização de concursos devido à emergência da situação.
"Algumas vezes é preciso para que as coisas sejam feitas rapidamente", disse.
Os custos das operações de limpeza e reconstrução são calculados em torno de US$ 200 bilhões, e a forma de concessão dos contratos tornou-se motivo de preocupação no Congresso.
Segundo o senador democrata Carl Levin, a lei federal exige que os contratos de reconstrução sejam entregues com prioridade a empresas locais.
"No entanto, vimos várias vezes que se está substituindo os trabalhadores locais com outros que vêm de outros estados", afirmou.
Paulison respondeu que existe na Fema a convicção de que uma das formas de ajudar as comunidades atingidas é fornecer a elas fontes de emprego.
O prefeito de Nova Orleans, Ray Nagin, anunciou nesta semana a demissão de cerca de 3 mil trabalhadores municipais, porque a cidade não tem dinheiro para pagar seus salários.
A Fema anunciou hoje a criação de um "banco de trabalho" para ajudar os desempregados, que será controlado pelo Departamento do Trabalho.
"Este recurso foi criado para ligar os trabalhadores a quem pode oferecer emprego, incluindo trabalhos temporários para limpar e reconstruir as áreas devastadas", disse a secretária do Trabalho, Elaine Chao.


06/10/2005

Fonte: UOL Últimas Notícias

 

Curso Licitações

07/02/2023

Estado vai investir R$ 30 milhões na reforma de pontes e viadutos no noroeste e centro-oeste

O DER/PR, Departamento de Estradas de Rodagem, abr...

06/02/2023

Prodest começa licitação para expandir ações de Service Desk nos órgãos estaduais

O Instituto de Tecnologia da Informação e Comunica...

06/02/2023

Prefeitura abre licitação por área de 1,7 mil metros quadrados no Parque dos Poderes

No dia 06 de março de 2023, às 9h, a Prefeitura Mu...

06/02/2023

Aberta licitação para construção de novos fóruns digitais

Foi publicada no Diário da Justiça, a abertura da ...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita