Funcionários do Cristo Redentor ganharam prazo para defesa


Auditoria do TCU apontou de indícios superfaturamento na compra de próteses
Os quinze funcionários suspeitos de fraude em licitações no Hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre, ganharam nesta segunda, dia 19, prazo de 20 dias para apresentar a defesa final. O processo administrativo que apura o suposto esquema deve estar concluído até o final do próximo mês.

Auditoria do Tribunal de Contas da União apontou indícios de favorecimento e superfaturamento na compra de órteses e próteses no Hospital. As denúncias estão sendo investigadas pelo Ministériio Público Federal.


19/04/2004

Fonte: Rádio Gaúcha

 

Avisos Licitações

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

03/02/2023

MPF divulga pregão eletrônico para aquisição de água mineral para unidade no PI

O Ministério Público Federal (MPF) torna público o...

03/02/2023

Licitação para ampliação do aeroporto de Cachoeiro pode sair neste ano

O projeto de reforma e ampliação do Aeroporto Muni...

03/02/2023

Raquel Lyra abre nova licitação de R$ 303 milhões. Saiba para qual finalidade

O Governo do Estado abriu uma licitação de R$ 303....
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita