Edital será publicado até início de fevereiro


A Prefeitura cumpriu a última etapa para a publicação do edital de licitação para a construção do Centro Popular de Compras (CPC). Hoje, o prefeito em exercício Eliseu Santos entregou ao secretário municipal da Produção, Indústria e Comércio, Idenir Cecchim, a aprovação do Estudo de Viabilidade Urbanística (EVU), que autoriza a implantação do CPC.
Conforme Cecchim, o edital de licitação para a construção e concessão de uso do CPC deverá ser publicado até o início de fevereiro. Depois de concluídos os prazos da licitação e assinado o contrato entre a Prefeitura e o vencedor da concorrência, a previsão é de que o prédio seja erguido em oito meses com custo estimado de R$ 10 a R$ 12 milhões. "Quem vencer o edital vai construir e ser ressarcido com a cobrança de aluguel dos espaços", explicou o titular da Smic.
Depois de aprovado por unanimidade na Câmara de Vereadores, o CPC passou pela análise do Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (CMDUA), teve o Relatório de Impacto Ambiental/Documento Síntes (RIA/DS) favorável e foi debatido junto à comunidade em audiência pública. "O objetivo da Prefeitura é melhorar a qualidade de trabalho e oferecer alternativa ao comércio informal, com mais segurança e contribuindo para a revitalização do Centro", explicou o prefeito em exercício.
Como será o Centro Popular de Compras
Localizado na Praça Rui Barbosa, entre as avenidas Mauá e Voluntários da Pátria, o novo empreendimento deve abrigar 800 camelôs licenciados pela Smic. Construído sobre uma plataforma de 10.000m² em concreto sobre o terminal de ônibus na Praça Ruy Barbosa, o CPC cruzará a Avenida Júlio de Castilhos por uma passarela totalmente coberta até Avenida Mauá. Cada comerciante ocupará um box de quatro metros quadrados contendo pontos de luz, água, esgoto e telefone, com aluguel estimado em R$ 300,00.
Com acesso a todas as calçadas e interligado às ruas do entorno, o CPC terá ainda lojas-âncoras, como restaurante popular, farmácia e agência bancária. O projeto prevê jardins descobertos, praça de alimentação, sanitários, acesso para deficientes, sistema de segurança por câmeras de vídeo e policiamento.


25/01/2007

Fonte: Site da Prefeitura Municipal de Porto Alegre

 

Curso Licitações

17/07/2024

Hospital de Palhoça 100% SUS anuncia data de licitação

A construção do primeiro hospital 100% SUS de Palh...

17/07/2024

Licitação para construção das alças de acesso da Antônio Heil será lançada pela terceira vez

O governo de Santa Catarina “já pode pedir música ...

17/07/2024

Estado lança licitação para conclusão do Núcleo Regional de Polícia Científica de Tubarão

O governo do Estado lançou nesta segunda-feira, di...

17/07/2024

TRE-MS abre licitação para contratar serviços de vigilância eletrônica por até R$ 3 milhões

O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Gros...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita