Correios solicitam inquérito para apurar possíveis irregularidades em licitações


Brasília – A Empresa de Correios e Telégrafos (ECT) vai solicitar ao Ministério Público Federal a instauração de inquérito pela Polícia Federal para investigar denúncias de supostas irregularidades envolvendo empresas que disputavam licitações do serviço da Rede Postal Noturna.
A solicitação dos Correios foi divulgada em nota da assessoria de imprensa para responder a reportagem deste fim de semana da "Revista Época". Na reportagem, a revista aponta que haveria um suposto esquema de corrupção envolvendo a renovação dos contratos com a empresa Skymaster para explorar linhas do serviço de transportes de encomendas dos Correios.
Segundo a reportagem, houve duas prorrogações dos contratos sem licitação. A primeira, segundo a revista, teria acontecido antes da posse do atual governo com um aumento do valor de R$ 48,7 milhões para R$ 56 milhões. Seis meses depois o contrato foi novamente prorrogado pelo mesmo valor.
A revista ainda cita que a empresa Beta, que, desde 2001, assinou um contrato com a Skymaster, em que assumiu metade dos serviços postais que a segunda tem com os Correios. A estatal determinou a "apuração em todas as licitações em que as empresas Skymaster e Beta participaram e foram vencedoras".


02/07/2005

Fonte: Agência Brasil

 

Avisos Licitações

07/02/2023

Loteria Mineira publica edital de licitação para concessão da exploração de jogos

Foi publicado no Diário Oficial do Estado desta te...

06/02/2023

Prodest começa licitação para expandir ações de Service Desk nos órgãos estaduais

O Instituto de Tecnologia da Informação e Comunica...

06/02/2023

Prefeitura abre licitação por área de 1,7 mil metros quadrados no Parque dos Poderes

No dia 06 de março de 2023, às 9h, a Prefeitura Mu...

06/02/2023

Aberta licitação para construção de novos fóruns digitais

Foi publicada no Diário da Justiça, a abertura da ...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita