Contratos sem licitação da empresa Leão e Leão


RIBEIRÃO PRETO - A empresa Leão e Leão assinou oito contratos sem licitação e venceu uma concorrência pública de R$41 milhões com a prefeitura de Ribeirão Preto entre 2001 e 2002, na gestão do atual ministro da Fazenda, Antonio Palocci. Ao todo são R$ 46 milhões em contratos só na área de limpeza urbana. A concorrência pública e a maior parte dos contratos sem licitação são dos serviços de operação do aterro sanitário, limpeza hospitalar e coleta seletiva.
As descobertas podem colocar em xeque a defesa do ministro, que anteontem deu entrevista para rebater as acusações de receber em seu governo em Ribeirão R$50 mil mensais de propina da Leão e Leão. As acusações foram feitas por seu ex-assessor Rogério Buratti, que vai ser indiciado por formação de uma quadrilha que fraudava licitações. Na coletiva, Palocci não deu detalhes dos contratos emergenciais e a concorrência do aterro.
Ele havia dito que "nenhum contrato" firmado em seu governo tinha a dimensão do contrato de coleta de lixo e varrição, no valor de R$50 milhões, que a Leão e Leão detém em Ribeirão desde 1999. Arquivos dos computadores da presidência da empresa, apreendidos pelo Ministério Público Estadual ano passado, mostram uma tabela de acompanhamento dos contratos mantidos com a prefeitura de 1998 até 2002. Registrada na pasta "Relatório de contratos-Ribeirão Preto", a tabela mostra que a Leão e Leão vinha ganhando contratos sem licitação na prefeitura desde 1998, na gestão Jábali.
Dos oito contratos feitos sem licitação na gestão Palocci, cinco são contratações emergenciais para operação do aterro - feitas antes da contratação oficial (por licitação) por R$41 milhões, em 15 de fevereiro de 2002, com validade para cinco anos. Esse contratos foram feitos pelo Departamento de Água e Esgoto de Ribeirão (Daerp), que, na época, tinha como superintendente Isabel Bordini, mulher de Donizete Rosa, homem de confiança de Palocci que foi levado no ano passado para a diretoria do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro). Representantes do Daerp confirmaram ontem as contratações e os valores.


23/08/2005

Fonte: Correio da Bahia

 

Avisos Licitações

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

03/02/2023

MPF divulga pregão eletrônico para aquisição de água mineral para unidade no PI

O Ministério Público Federal (MPF) torna público o...

03/02/2023

Licitação para ampliação do aeroporto de Cachoeiro pode sair neste ano

O projeto de reforma e ampliação do Aeroporto Muni...

03/02/2023

Raquel Lyra abre nova licitação de R$ 303 milhões. Saiba para qual finalidade

O Governo do Estado abriu uma licitação de R$ 303....
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita