Consórcio liderado por Guy Carpenter vence licitação


O consórcio formado pelas corretoras de resseguros Guy Carpenter (líder do grupo), Aon e JLT, empresa representada no Brasil pela Orypaba Corretora de Resseguros, venceu a licitação aberta pelo Instituto de Resseguros do Brasil (IRB Brasil-Re) e será responsável pela intermediação do contrato de property até dezembro do ano que vem.
O seguro, que garante o resseguro automático das seguradoras que operam com grandes riscos empresariais em cobertura para danos físicos e perdas financeiras, é o mais importante do IRB Brasil-Re, terceiro mais importante na América Latina e figura entre os dez contratos mais importantes do mundo.
De acordo com o vice-presidente da Orypaba, Rodrigo Protasio, o contrato limite em US$ 300 milhões a subscrição do risco, ou seja, em caso de sinistro, Instituto de Resseguros do Brasil pode absorver até US$ 300 milhões do risco total.
Como a instituição detém o monopólio do mercado de resseguros no Brasil, ela retém uma parcela do risco e o restante é distribuído entre resseguradoras internacionais. “Nosso trabalho é analisar as informações referentes ao risco de cada apólice, colaborar com as renovações, trazer idéias do exterior. Mas, em um primeiro momento, iremos priorizar o trabalho de renovação dos contratos, no que diz respeito a condições e melhores preços”, destaca Protasio.
Ele explica que o contrato é feito na base de riscos ataxados, ou seja, as corretoras são responsáveis pelas apólices com o início da vigência enquanto prestadoras de serviços do IRB. “Fomos responsáveis pelo acompanhamento do acidente em um alto-forno da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), ocorrido no início do ano. O sinistro totalizou US$ 449 milhões, sendo que o IRB ficou com, aproximadamente, US$ 169 milhões do risco”.
O montante do sinistro quase supera a carteira inteira, em seguros patrimoniais, do Instituto de Resseguros do Brasil, que totaliza US$ 450 milhões.
O vice-presidente da Orypaba Corretora de Resseguros explica que o sinistro da CSN impactou o processo de licitação. “Até o ano passado, vencia a concorrência, o consórcio que apresentasse a menor porcentagem em cima dos custos dos contratos de renovações das apólices. Este ano, por conta do sinistro, o IRB estabeleceu que o consórcio seria escolhido pela melhor proposta que combinasse corretagem e valor fee (montante fixo)”, conta. Ele completa que além desse impacto, o acidente da siderúrgica vai influenciar o processo de renovação das apólices que vierem a vencer. “Embora ainda estejamos analisando o impacto do sinistro, o IRB já recuperou boa parte paga pelo acidente. Mas mesmo assim, acredito que deva elevar o preço das apólices”, diz.
“Para nós foi muito importante vencer essa licitação, porque éramos os responsáveis pelo contrato em 2003 e 2004. Era um contrato que já estava sendo trabalhado”, completa o executivo.
No ano passado, o consórcio formado pelas corretoras Willis, Benfield e Cooper Gay venceu a licitação da instituição e administraram a apólice entre dezembro de 2005 e dezembro de 2006. Neste ano, o consórcio também disputou o contrato, mas acabou não sendo escolhido pelo IRB Brasil-Re.
Na primeira fase da licitação, o IRB anunciou uma lista com 17 corretoras de resseguro classificadas na primeira etapa do processo seletivo para a renovação do contrato property. Entre elas estavam inclusas Acordia, Alexander Forbes, Aon, Arthur Gallagher, Benfield, BMS, Cooper Gay, Guy Carpenter, Heath Lambert, HSBC, JLT, Mexbrit, Miller, PWS, Ropner, Tysers e Willis.
Para a segunda fase, a instituição solicitou que as empresas classificadas constituíssem consórcios de, no mínimo, três e de, no máximo quatro participantes, sem permitir que uma corretora participasse de mais de um consórcio no processo.
A liderança de cada consórcio foi exercida por um dos brokers que manifestaram interesse em participar dessa renovação e que fazem parte da lista dos 10 maiores brokers do mundo, em prêmio, divulgada por uma importante publicação do segmento, em 2004.


23/11/2006

Fonte: DCI Comércio e Industria

 

Curso Licitações

01/01/2024

Cursos On Line AO VIVO - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso On Line Ao Vivo da Nova Lei de Licitação e...

29/01/2024

Curso On Line - Ao Vivo de Formação de Analista de Licitação e Contratação Pública

O Curso de formação Analista de Licitação ONLINE A...

15/01/2024

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública - Florianópolis/SC

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita