Codesp abre hoje propostas da licitação


A Codesp abre hoje, às 10h30, as propostas de preço das firmas habilitadas na licitação para a reforma do Armazém 4 do Porto de Santos. O local vai abrigar o Centro Administrativo Único (CAU), também conhecido como Despacha-Rápido, que concentrará órgãos responsáveis pela liberação de cargas no complexo.
Conforme a assessoria de imprensa da Autoridade Portuária, a comissão de licitação da empresa definiu a abertura das propostas de preço para as obras do CAU após analisar os recursos das firmas desabilitadas. A estatal informou que quatro empresas concorrem à reforma do Armazém 4: Terracom, JZ Engenharia, Abapan e Fort Norte.
Após a abertura das propostas, a comissão irá se reunir para conferir os custos da obra que foram apresentados pelas concorrentes. A escolha da vencedora será feita através dos seguintes critérios: regularidade nas planilhas de custos e menor preço do empreendimento.
De acordo com a assessoria, não há uma data para o anúncio da firma escolhida. Porém, já se sabe que após a definição da vencedora haverá um prazo de cinco dias para interposição de recursos por parte das empresas preteridas. A comissão de licitação terá igual período para analisar eventuais contra-recursos administrativos.
Segundo a Codesp, o projeto de reestruturação do galpão está orçado em R$ 2,5 milhões, que serão disponibilizados pelo Governo Federal através do Agenda Portos, programa que listou medidas emergenciais para os principais portos do País.

Projeto
A vencedora da licitação terá que elaborar um projeto básico para a recuperação do galpão, devendo preservar, obrigatoriamente, a fachada e as características originais do prédio.
A Autoridade Portuária já definiu que, entre as intervenções no antigo armazém, haverá a construção de um segundo piso e a instalação de uma agência bancária. Não está descartada a criação de um auditório na unidade, com capacidade para 160 lugares.
Um dos órgãos que ocupará o CAU será a Secretaria de Assuntos Portuários e Marítimos de Santos. Os técnicos da pasta serão transferidos para o local, deixando vago o escritório no prédio da Prodesan, localizado entre as avenidas Ana Costa e Francisco Glicério, longe da área portuária.

Previsão
Se a escolha da firma que irá reformar o Armazém 4 não atrasar em virtude da interposição de recursos e contra-recursos, as obras na unidade devem começar ainda este semestre, previu o diretor de Infra-estrutura e Serviços da Codesp, Arnaldo de Oliveira Barreto. Para ele, se a previsão se confirmar, o prédio será entregue até o final do ano.


19/05/2006

Fonte: Webtranspo

 

Curso Licitações

27/05/2024

Célio da Usina anuncia licitação de R$ 819 mil para obras Municipais

O prefeito de Vieirópols, José Célio Aristóteles, ...

27/05/2024

Prefeitura deve gastar até R$ 12,2 milhões para asfaltar dois bairros em Campo Grande

A Prefeitura publicou o aviso de continuidade da <...

27/05/2024

Nova licitação é aberta para pavimentar ruas do Jardim Itatiaia

A Prefeitura de Campo Grande abriu uma segunda lic...

27/05/2024

Ribas do Rio Pardo deve contratar empresa para obra de pavimentação e drenagem

O município de Ribas do Rio Pardo divulgou abertur...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita