Brasil vai comprar 12 supersônicos de segunda mão


O Brasil irá comprar 12 supersônicos usados da França para não ficar sem proteção para seu espaço aéreo central a partir da desativação dos atuais Mirage IIIEBR baseados em Anápolis (GO), no fim do ano, informou a Folha de S.Paulo.
A confirmação do negócio, especulado desde que o Brasil desistiu da licitação internacional para a compra de caças novos na virada do ano, foi feita ontem em Anápolis pelo ministro da Defesa, o vice-presidente José Alencar. O anúncio será em 14 de julho, quando o presidente Luiz Inácio Lula da Silva irá participar da festa nacional francesa em Paris.
Alencar citou genericamente o valor de US$ 60 milhões pelas aeronaves, que devem durar 15 anos. Esse valor, porém, não deve incluir os armamentos. O avião escolhido é o Mirage 2000-C. É um caça de superioridade aérea sem as capacidades desejadas pela Força Aérea Brasileira, de combate BVR (sigla inglesa para "além do alcance visual"), ou seja, não pode atingir alvos muito distantes com mísseis guiados por radar.


06/06/2005

Fonte: Terra

 

Curso Licitações

07/02/2023

Loteria Mineira publica edital de licitação para concessão da exploração de jogos

Foi publicado no Diário Oficial do Estado desta te...

06/02/2023

Prodest começa licitação para expandir ações de Service Desk nos órgãos estaduais

O Instituto de Tecnologia da Informação e Comunica...

06/02/2023

Prefeitura abre licitação por área de 1,7 mil metros quadrados no Parque dos Poderes

No dia 06 de março de 2023, às 9h, a Prefeitura Mu...

06/02/2023

Aberta licitação para construção de novos fóruns digitais

Foi publicada no Diário da Justiça, a abertura da ...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita