Arábia Saudita abre licitações para projeto ferroviário


São Paulo - O Fundo de Investimento Público do Ministério das Finanças da Arábia Saudita vai financiar a construção do maior projeto ferroviário do país, a Ferrovia Norte-Sul com 2,4 mil quilômetros de extensão. Para isso, o governo saudita está abrindo concorrência para empresas nacionais e internacionais interessadas em participar da construção do projeto, que deverá começar em 2010. As companhias devem mandar suas propostas para o Fundo de Investimento Público até o dia 14 de abril.
A licitação é aberta para empresas que trabalham como empreiteiras, fornecedoras e fabricantes de locomotivas e vagões, prestadoras de serviços e operadoras de linhas ferroviárias, além de companhias especializadas em sistemas de sinais, controle e comunicações. "Existem muitas empresas brasileiras com experiência nestas áreas. É uma boa oportunidade para elas participarem", disse, em entrevista à ANBA, o encarregado de negócios da embaixada da Arábia Saudita em Brasília, Abdullah Alowaifeer.
O Projeto Norte-Sul Ferroviário consiste na construção de duas linhas principais, uma com origem no norte de Riad, capital do país, até a província de Al Haditha, perto da fronteira com a Jordânia; e a segunda do centro de Riad até a mina de bauxita em Az Zabirah, ao leste do país. O projeto consiste ainda na construção de vários ramais das linhas, como, por exemplo, na linha de Riad à Al Haditha haverá uma ramificação para transportar fosfato das minas de Jalamid, no nordeste do país. As linhas também serão utilizadas para transportar passageiros e cargas em geral, como produtos químicos e derivados do petróleo.
A Arábia Saudita é grande produtora de minérios, como fosfato e bauxita. As minas de Jalamid, por exemplo, contam com uma reserva de 313 milhões de toneladas de fosfato, enquanto a de Az Zabirah tem uma reserva de 250 milhões de toneladas de bauxita. A mineradora saudita Ma'aden já tem um projeto para construir um complexo industrial ao leste dessas províncias para que os minérios da região possam ser transportados e refinados no local. Outras instalações que o complexo vai oferecer são uma usina de alumínio e um grande gerador de energia.
Para o transporte dos minerais vão ser disponibilizadas três locomotivas com 150 vagões. Cada trem deverá pesar uma média de 19,4 mil toneladas e terá três mil metros de comprimento.

Passageiros
O trem para passageiros deverá ter uma velocidade de 200 quilômetros por hora e passará pelas estações de Riad, Aeroporto Internacional King Khalid, Sudayr, Qassim, Ha'il, Al-Jawf e por último Al Haditha. Haverão saídas diárias em cada direção e três trens com capacidade para 500 lugares. Os vagões serão divididos em classe executiva e econômica. Os trens também vão ter restaurantes, dormitórios, bagageiros e vagões para transportar veículos.

Requisitos
Para participar da concorrência as empresas interessadas devem mandar o certificado de registro da companhia, relatório financeiro dos últimos seis anos, experiências relevantes, capacidade de produção e uma lista de referências. Para saber mais informações técnicas de cada área as empresa devem entrar em contato com o Fundo de Investimento Público da Arábia Saudita. As propostas devem ser mandadas num arquivo em DVD e duas cópias impressas para a entidade até sábado, 14 de abril, às 13h do horário local.

Perfil
A Arábia Saudita é o maior país do Oriente Médio, com uma área de 2,25 milhões de quilômetros quadrados e uma população de 25,3 milhões de pessoas. O país tem um Produto Interno Bruto (PIB) de US$ 325 bilhões e possui 25% das reservas de petróleo do mundo, segundo dados da Câmara de Comércio Árabe Brasileira.
No ano passado, a corrente comercial entre o Brasil e a Arábia Saudita foi de US$ 3,1 bilhões. As exportações brasileiras para o país árabe somaram US$ 1,48 bilhão e os principais produtos embarcados foram aviões, carne de frango, minério de ferro e açúcar. Já a Arábia Saudita exportou para o Brasil US$ 1,61 bilhão de janeiro a dezembro de 2006. Os principais itens importados pelo Brasil foram petróleo, naftas para petroquímica, propano em bruto e óleo diesel.
Contatos
Ministério das Finanças
Public Investment Fund
King Abdul Aziz Road, Riyadh - 11452
Reino da Arábia Saudita
Mais informações
Fundo de Investimento Público
Tel: +966 1 401-6142
Fax: +966 1 4050-000 ramal 2492
Email: NSR@saudiEDI.gov.as
Site: www.nsrway.com.sa


29/03/2007

Fonte: Agência de Notícias Brasil-Árabe

 

Avisos Licitações

27/05/2023

Central de Polícia de Bento, licitação para iniciar as obras será aberta em junho

Bento Gonçalves- As informações da Polícia Civil, ...

27/05/2023

Atestados de capacidade técnica para serviços contínuos sob a ótica da NLLC

Nas licitações para contratação de serviços contín...

26/05/2023

Com modernização da iluminação pública, Prefeitura prevê lâmpadas de LED em até 2 anos

Para a troca das lâmpadas, está em andamento a lic...

26/05/2023

Prefeitura do interior vai comprar mais de mil refeições em Sinop

A prefeitura de Canaã do Norte, município com pouc...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita