Apurada fraude durante pregão virtual do Estado


Uma página eletrônica clonada pode ter sido usada para fraudar a contratação de vigilantes para o Estado do RS por meio de pregão eletrônico. A suspeita foi levantada pela empresa Vigilância Antares, que afirma ter sido vítima de um golpe via Internet para ser alijada da disputa. O caso é investigado pela 17ª DP da Capital.
Conforme o gerente da empresa, Alexandre Luzardo, na manhã de 23 de agosto, a Antares acessou o site da Central de Licitações do Estado (Celic) se candidatando a prestar serviços de vigilância à Secretaria Estadual da Saúde. Foi formulada proposta cumprindo prazos e regulamentos, mas ao consultar a Celic para verificar o resultado a Antares descobriu que não participara da licitação.
- Fomos impetrar um recurso. Ficamos em segundo lugar e entendemos que o primeiro colocado tinha apresentado proposta muito aquém da realidade, que não cobre os custos. E, para nossa surpresa, a Celic nos informou que não podíamos apresentar recurso, porque a Antares não havia participado da licitação - lembra Luzardo.
A Antares contratou um perito em informática para inspecionar seus dois computadores. O exame identificou programas de espionagem, com elevada probabilidade de invasão do sistema para captura de dados pessoais, e-mails e senhas de contas bancárias. A empresa procurou a polícia, entregou os computadores e ingressou com ação judicial para anular a licitação.

Pedido de liminar deve ser julgado hoje.
Na 17ª DP, foram ouvidos empresários participantes do pregão. Eles se mostraram surpresos com a ausência da Antares no processo para recrutar 65 seguranças para o Hospital Psiquiátrico São Pedro, inclusive pelo fato de a empresa ser a detentora do contrato.
- Existem fortes indícios de fraude - observa o delegado Antônio Guimarães.
Luzardo acredita que o golpe seja uma represália à empresa pelo fato de a Antares ser uma das que denunciaram a formação de um cartel que combina preços em licitações de serviços de vigilância armada para órgãos públicos.
- Estão querendo nos tirar do mercado. O contrato com a Secretaria da Saúde representa 67% do nosso faturamento - afirma.
A polícia encaminhou os computadores da Antares ao Instituto-geral de Perícias para uma inspeção oficial. Nesta segunda-feira, a 3ª Vara da Fazenda Pública deve julgar o pedido de liminar da empresa que visa ao cancelamento do pregão.


22/11/2004

Fonte: Zero Hora

 

Avisos Licitações

28/01/2023

Prefeitura de Barueri abre licitação para pista de caminhada, praça e reformas

De acordo com um levantamento realizado pela repor...

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

26/01/2023

S.A.PLATINA: Prefeitura abrirá licitação para pavimentação do Jardim Altvater

A prefeitura de Santo Antônio da Platina lançará n...

27/01/2023

Senai abre licitação para desenvolvimento de software com blockchain

O Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industri...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita