ANP defende as rodadas de licitações


Em choque com o Ministério de Minas e Energia, a ANP (Agência Nacional do Petróleo) convocou ontem uma entrevista para defender as rodadas anuais de concessão de áreas de exploração de petróleo e informou que sem elas a auto-suficiência na produção de óleo corre risco.
Segundo a ANP, apenas as rodadas asseguram novas descobertas. Sem elas, o país só sustentará a auto-suficiência na produção durante o período de 2006 a 2010.
Segundo a ANP, após esse período a produção entraria em declínio e o país voltaria a depender de importações devido ao aumento do consumo, estimado em 2,8% ao ano. Hoje, o Brasil produz 1,6 milhão de barris por dia e consome 1,8 milhão de barris.
A periodicidade dos leilões de concessão já opôs, no final de agosto, o diretor-geral da ANP, Sebastião do Rego Barros, e a titular da pasta, Dilma Rousseff.
Para a ministra, não cabe à agência formular política energética. Na visão dela, a realização dos leilões é um mecanismo de planejamento do uso das reservas brasileiras de petróleo e gás -avaliadas em 12,8 bilhões de barris, volume que garante 18 anos de suprimento. Diferentemente do que quer a ANP, o ministério resiste em confirmar a 7ª rodada de licitações para 2005.
Embora reconheça que é de competência do ministério definir a periodicidade dos leilões, John Forman, diretor da ANP, argumenta que só com muito investimento em exploração será possível realizar novas descobertas.
Para exemplificar, Forman disse que nos EUA são perfurados 10 mil poços a cada ano com o objetivo de achar óleo. No Brasil, em toda a história da indústria petrolífera, foram 22 mil poços. Ele afirmou que apenas 3% das bacias brasileiras estão sob concessão.
O ministério informou, por intermédio de sua assessoria de imprensa, que as rodadas não precisam ser necessariamente anuais e que a realização dos leilões dependerá da análise do interesse de investidores. Segundo o ministério, ainda não está definido se a 7ª rodada será em 2005.


03/09/2004

Fonte: Folha de São Paulo

 

Avisos Licitações

27/05/2024

Célio da Usina anuncia licitação de R$ 819 mil para obras Municipais

O prefeito de Vieirópols, José Célio Aristóteles, ...

27/05/2024

Prefeitura deve gastar até R$ 12,2 milhões para asfaltar dois bairros em Campo Grande

A Prefeitura publicou o aviso de continuidade da <...

27/05/2024

Nova licitação é aberta para pavimentar ruas do Jardim Itatiaia

A Prefeitura de Campo Grande abriu uma segunda lic...

27/05/2024

Ribas do Rio Pardo deve contratar empresa para obra de pavimentação e drenagem

O município de Ribas do Rio Pardo divulgou abertur...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita