AMD faz campanha para forçar editais a não mencionar marcas


São Paulo - A fabricante americana de chips para computadores AMD está em campanha global para que as licitações governamentais de informática não citem marcas de empresas nas especificações de compras. "Há uma economia de 12% apenas ao retirar as marcas das licitações", diz o principal executivo para governo da empresa, George Warren, que estará em Brasília nesta semana para a quinta Mostra de Soluções em TI e Comunicações Voltadas ao Setor Público. A empresa já levou a campanha, batizada de Competição Justa e Aberta, à Ásia e ao Congresso dos Estados Unidos.
A AMD reclama ser prejudicada em editais de compras de computadores no setor público que, ao descrever as características técnicas do produto, especificam a necessidade de ter um processador de sua rival Intel. "Só queremos que nos deixem competir" afirmou Warren. "É mais uma questão comportamental, mas que prejudica a inovação e a competição. As pessoas precisam apenas descrever o que querem em um produto."Os 12% de economia citados por Warren são a conclusão de uma pesquisa encomendada à consultoria IDC. Realizado com 33 grandes empresas italianas ou multinacionais com operações no País, o estudo descobriu que 45% das organizações avaliavam apenas computadores pessoais (PCs) com chips da Intel. No entanto, 76% dizem que ofertas mistas trazem benefícios. Das que optam por avaliar as duas marcas, 85% afirmaram ter ganhos econômicos. Mas 28% acreditam que há maior demora na avaliação.
Após o lançamento de seus chips Opteron para servidores e Athlon para computadores pessoais, a AMD se tornou uma maior ameaça à líder Intel, que chegou a ter 95% do mercado global de servidores. Na disputa por PCs do fim do ano passado, a AMD conseguiu abocanhar pela primeira vez em quatro anos mais de 20% do mercado.
Os roubos de vendas da Intel levaram a gigante a não alcançar sua previsão de receita no último trimestre e a rebaixar os resultados estimados para 2006.


04/04/2006

Fonte: Gazeta Mercantil

 

Curso Licitações

07/10/2022

Cursos Presenciais - Nova Lei de Licitação e Contratação Pública

O Curso Presencial da Nova Lei de Licitação e Cont...

03/02/2023

MPF divulga pregão eletrônico para aquisição de água mineral para unidade no PI

O Ministério Público Federal (MPF) torna público o...

03/02/2023

Licitação para ampliação do aeroporto de Cachoeiro pode sair neste ano

O projeto de reforma e ampliação do Aeroporto Muni...

03/02/2023

Raquel Lyra abre nova licitação de R$ 303 milhões. Saiba para qual finalidade

O Governo do Estado abriu uma licitação de R$ 303....
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita