Acusados de fraudes em licitações da Saúde se entregam à PF


Brasília - O vice-presidente do Jornal de Brasília, Lourenço Rommel Pontes Peixoto, e o lobista Elias Esperidião Abboadalla se entregaram esta manhã na Superintendência da Polícia Federal em Brasilia.
Eles estavam foragidos desde a última quinta-feira, depois que a polícia desbaratou o esquema relativo à compra de hemoderivados do Ministério da Saúde. Após a prisão, os dois foram encaminhados ao Instituto Médico Legal do Distrito Federal para exames de corpo delito.

O superfaturamento na compra de hemoderivados chegou a 42%, provocando um prejuízo aos cofres públicos de R$ 2 bilhões entre 1990 e 2002. Além dos empresários, lobistas e funcionários do Ministério da Saúde que já estão presos, a Polícia Federal investiga a participação de outras dez pessoas.
Agora, dos 17 integrantes do grupo que tiveram prisão decretada, o único foragido é o empresário Marcos Jorge Chain.


23/05/2004

Fonte: Agência Brasil

 

Curso Licitações

02/02/2023

Prefeitura de SP abre licitação para manutenção das ciclovias da capital

A Prefeitura de São Paulo, através da SMT (Secreta...

01/02/2023

Prefeitura divulga edital de licitação para construção de um novo ESF Caçador

Os moradores do bairro Caçador ganharão uma nova s...

01/02/2023

Prefeitura de Taubaté revoga licitação para compra de material escolar

A prefeitura de Taubaté revogou a licitação para c...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita