Ex-diretora diz que decisão final sobre licitações na Loterj era de Waldomiro


Rio - A ex-presidente da Comissão de Licitação da Loterj no período de 2001/2002, Kétia Rognoni, disse hoje, na CPI da Assemnbléia Legistativa que investiga irregularidades na empresa, que, apesar do cargo que ocupava, não teve acesso aos processos de licitação que autorizavam a Combralog, empresa de Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, a explorar jogos eletrônicos e a Ebrara a explorar a raspadinha.

De acordo com Kátia Rognoni, todos os documentos da licitação eram analisados pelos assessores técnicos e jurídicos da Loteria do Rio de Janeiro e assinados por Waldomiro Diniz, na época presidente da empresa, a quem cabia a decisão final.


28/04/2004

Fonte: Agência Brasil

 

Avisos Licitações

19/12/2018

Prefeitura de Joinville quer 88 meses para fazer licitação do transporte coletivo

Em recurso na ação da licitação do transporte coletivo, a Prefeitura d...

18/12/2018

Avança a licitação para reforma do parque de cães, na Praça do Sesc

A Praça do Sesc (Praça Caio Ribeiro Moraes e Silva), no bairro Apareci...

18/12/2018

Legislativo andreense reabre licitação para controle de acesso

A Câmara de Santo André oficializou a retomada de licitação que tem co...

17/12/2018

Licitação para a implantação do teleférico de Juazeiro deve ocorrer neste mês

O turismo religioso que movimenta também a economia da Região do Carir...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita