Petrobrás diz em nota que não desobedeceu decisão judicial


RIO - A Petrobras distribuiu nota oficial na qual afirma que o seu corpo Jurídico está tomando todas as providências cabíveis – tanto no âmbito cível quanto no criminal – para assegurar os interesses da empresa e a integridade física dos seus diretores de Exploração e Produção, Guilherme Estrela, e de Engenharia, Renato Duque.

Os dois tiveram suas prisões decretadas pelo juiz titular da 15ª Vara Cível do Rio de Janeiro, Renato Ricardo Barbosa, por desobediência a uma decisão judicial, tendo como base uma petição da Marítima Petróleo e Engenharia Ltda.

“Para a Petrobras não houve qualquer descumprimento de decisão judicial, pois a Marítima, em sua petição, baseou-se numa decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) cujo acórdão ainda não foi disponibilizado nem mesmo publicado no Diário Oficial da União”, diz a nota.

A nota explica que, no dia 19 de novembro de 2003, o Superior Tribunal de Justiça julgou medida cautelar da Marítima e decidiu, por 3 votos a 2, suspender a decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro que garantia à Petrobras a utilização do Decreto 2745/98 para fazer suas licitações, inclusive de plataformas.

A decisão do STJ implicaria apenas, segundo ainda a nota, "na suspensão das licitações relacionadas com as atividades contidas no contrato social da Marítima, dentre as quais não se insere a construção de plataformas, objeto da ação daquela empresa. A denúncia formulada pela Marítima prende-se especificamente a uma licitação que tem por objeto a construção da plataforma PRA. Portanto, como a construção de plataformas não está contida nas atividades do contrato social daquela empresa, a Petrobras entende que essa licitação não seria afetada pela decisão do STJ


03/03/2004

Fonte: Agência Brasil

 

Curso Licitações

11/12/2018

TCE libera licitação para show pirotécnico no Réveillon de João Pessoa

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) revogou nesta terça-feira (11), a...

12/12/2018

Sinop: prefeitura define licitação para construir novas unidades de saúde em quatro bairros

Uma empreiteira de Sinop venceu a licitação e ficará responsável pela ...

11/12/2018

Licitação seleciona nova empresa para o Restaurante Universitário

No próximo dia 20, às 10h30, será aberto o pregão eletrônico nº 80/201...

11/12/2018

Cida anuncia a construção de 2.486 moradias em 46 cidades do Paraná

O Governo do Estado investirá cerca de R$ 217 milhões na construção de...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita