Dúvidas na disputa pelos F-X


São José dos Campos (SP) - Discute-se a participação das empresas nacionais Embraer e Avibrás. As regras do processo de escolha dos novos caças F-X da Força Aérea Brasileira (FAB) não mudaram, segundo o Ministério da Defesa (MD). "A decisão do Conselho de Defesa Nacional será feita depois de terem sido avaliadas todas as ofertas das empresas participantes, incluindo as propostas de transferência de tecnologia", informou o MD na sexta-feira.
A dúvida veio à tona depois que o ministro José Viegas Filho, em depoimento à Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional da Câmara, na quarta-feira passada, disse que a participação da indústria nacional seria definida após a decisão do Conselho de Defesa Nacional, qualquer que fosse o vencedor do processo.
"A declaração do ministro não indica mudanças nas regras da concorrência. Ele apenas estava se referindo à operacionalização da oferta do vencedor junto à indústria nacional", informou a assessoria de imprensa do Ministério da Defesa. Para o deputado Antônio Carlos Pannunzio (PSDB-SP), o ministro Viegas deu a entender que a indústria nacional estaria presente qualquer que fosse o resultado.
O fundamental para o Brasil nesse processo, segundo o deputado, são as considerações de natureza estratégica. "Não precisamos ter o melhor avião da concorrência. Todos eles atendem às necessidades básicas da FAB. O importante é avaliar a melhor proposta de transferência de tecnologia e a Embraer me parece ser a opção mais adequada", disse o deputado.
Em entrevista ao site DefesaNet, dias atrás, Viegas havia reforçado a idéia de que o governo pretende estimular a formação de parcerias com empresas brasileiras, qualquer que seja o ganhador.
Numa outra frente, o engenheiro Ozires Silva, um dos criadores do movimento em defesa da indústria nacional na concorrência dos caças, defende a idéia de uma solução que possa ser compartilhada pelas duas empresas nacionais que estão mais diretamente ligadas à concorrência: a Embraer e a Avibrás.


02/02/2004

Fonte: Gazeta Mercantil

 

Avisos Licitações

21/02/2019

Prefeitura marca abertura de envelopes de licitação para reforma do antigo prédio do INSS

A Prefeitura de Criciúma agendou para a próxima segunda-feira (25), às...

21/02/2019

Licitação para obras do Centro Administrativo será aberta no início de 2020,diz Duarte Nogueira

O prefeito Duarte Nogueira (PSDB) anunciou na manhã desta quinta-feira...

21/02/2019

Universidade brasileira abre licitação para contratar empresa de Blockchain

A Fundação Cearense de Pesquisa e Cultura (PCPC) abriu licitação para ...

21/02/2019

Definida abertura de licitação do antigo PAM

A Prefeitura de Criciúma agendou para a próxima segunda-feira (25), às...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita