Petrobras se adequa à Lei das Estatais e abandona licitação por convite


Um dia depois de a Petrobras anunciar a migração para um segmento mais elevado de governança coorporativa na B3, a estatal deixa de realizar contratações por convite nesta terça-feira (15). A mudança visa adequar os procedimentos da companhia à Lei 13.303/16, conhecida como Lei das Estatais.

A legislação estabelece regras mais rígidas para licitações e determina que todas as contratações das estatais, incluindo companhias de economia mista, devem ser feitas via licitação pública. A mudança permitirá que qualquer interessado em firmar contratos com a petrolífera possa participar da seleção, desde que se adeque às condições dispostas nos editais.

A Petrobras realiza o ajuste em seus procedimentos com mais de um mês de antecedência do prazo estabelecido para a adequação à Lei.


15/05/2018

Fonte: Lexis 360

 

Curso Licitações

17/01/2019

3 empresas concorrem licitação para placas do Mercosul

O diretor-geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) , Arão L...

17/01/2019

Prefeitura anuncia licitação para contratação de empresa de coleta de lixo

Com o valor estimado em R$ 1.323.000,00 (Um Milhão, Trezentos e Vinte ...

17/01/2019

Justiça revoga liminar que suspendia licitação da limpeza urbana em SP

A Justiça revogou a liminar que suspendia a licitação para o serviço d...

17/01/2019

Petrobras prepara-se para a maior licitação de floteis dos últimos 4 anos

Os fornecedores de embarcações de hospedagem estão se preparando para ...
Notícias Informativo de Licitações
Solicite Demonstração Gratuita