Licitações Gratuitas Licitações Mobile Consulte nossos programas Solicite demonstração gratuita Solicite demonstração gratuita aqui Cursos de Licitações consulte nossos programas

25/04/2018

Suspensa licitação de Florestópolis para software de gestão de combustível

O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) emitiu medida cautel...

25/04/2018

Prefeitura de Cotia autoriza abertura de licitação para construção de um novo PA em Caucaia

O prefeito Rogério Franco assinou, nesta segunda-feira (23), a autoriz...

25/04/2018

Publicados resultado de licitação para restaurar Castelinho e mais investimentos em asfalto

Campo Grande (MS) – O Governo do Estado, por meio da Agência Estadual ...

25/04/2018

Corsan espera licitação de PPP no próximo mês

Para que saia do papel, a Parceria Público-Privada (PPP) da Companhia ...

Prefeitura de Timbaúba quer R$ 2 milhões para banco administrar folha


A Prefeitura de Timbaúba, na Mata Norte de Pernambuco, abriu licitação para escolha de um banco para administrar a folha de pagamento dos servidores do município. O pregão para escolha do banco ocorrerá no dia 24 de abril e o edital já foi publicado no Diário Oficial do Estado. A licitação vai ocorrer pelo maior preço ofertado.

No edital, o valor mínimo determinado é R$ 2 milhões para a "contratação de instituição financeira, doravante denominada banco, para processamento dos créditos da folha de pagamento de pessoal da Prefeitura Municipal de Timbaúba".

"Os municípios devem buscar novas receitas, em meio a esta crise. É salutar que as prefeituras do Interior promovam licitações entre os grandes bancos para gestão da folha", avalia o procurador Cristiano Pimentel, do Ministério Público de Contas de Pernambuco (MPCO).

Cristiano Pimentel informa que, quando se trata de bancos privados, a escolha deve ser feita por licitação. No caso de bancos públicos, como Banco do Brasil e Caixa, os órgãos de controle têm aceito inexigibilidade de licitação, mas a preferência é que exista a concorrência entre bancos, para obtenção do melhor preço.

Em janeiro deste ano, Belo Jardim conseguiu R$ 2,5 milhões pela venda da gestão de sua folha. O Bradesco, que já gerencia a folha do Estado e da Prefeitura do Recife, pagou R$ 2,5 milhões para Belo Jardim, no Agreste. A licitação foi homologada no final de 2017, pelo prefeito Hélio dos Terrenos (PTB).


13/04/2018

Fonte: Folha PE

 



Curso Licitações
Tudo sobre Licitações Públicas. Licitações é Licitação .net – Um serviço de Business Online Comunicação de Dados Ltda. © 2012