Licitações Gratuitas Licitações Mobile Consulte nossos programas Solicite demonstração gratuita Solicite demonstração gratuita aqui Curso Licitações consulte nossos programas

02/03/2017

Curso OnLine - EAD de Impugnação e Recursos em Licitações

Com o objetivo de capacitar e aprimorar o profissional com conheciment...

24/04/2017

Curso de Licitações Públicas em Porto Alegre

Quer treinar sua equipe para obter melhores resultados nos processos d...

24/04/2017

Trabalho preventivo gera economia de mais de R$ 12,5 milhões em licitação da nova maternidade

A atuação preventiva dos auditores da Controladoria-Geral do Estado do...

25/04/2017

Seguro Saúde: Conselho cancela licitação por falta de interessados

O Conselho Regional de Administração de Santa Catarina (CRA/SC) cancel...

24/04/2017

Prefeitura de Óbidos abre licitação para serviço de transporte escolar

Será no próximo dia 28, no plenário da Câmara Municipal de Óbidos, no ...

Governo do Rio vai abrir nova licitação para o Maracanã


O governador Luiz Fernando Pezão decidiu que vai abrir licitação para o Maracanã, com direito a participação dos clubes. O martelo foi batido depois de uma reunião entre procuradores-gerais do estado, que recomendaram a Pezão que fosse feito novo processo. A decisão vinha sido aconselhada há tempos pelos membros da PGE, mas o governador vinha tentando evitar a todos os custos. No entanto, as delações premiadas começam a dar notícias de que o processo de licitação teve cartas marcadas e as empresas participantes escolheram os termos da proposta.

A reunião teve a participação do secretário da Casa Civil, Christino Áureo, que está cuidando do processo. A Fundação Getúlio Vargas já fez o estudo de viabilidade econômica que será a base para o edital. Esse novo processo terá o direito à participação dos clubes, o que animou o Flamengo, que tem interesse em administrar o estádio:

- Nós do Flamengo já esperávamos que o governo do RJ tomasse a decisão de promover uma nova licitação do Maracanã por entendermos que essa é a solução que garante mais transparência no processo, mais segurança jurídica aos potenciais interessados e a que atende aos legítimos interesses do contribuinte, que, em última análise, é o verdadeiro dono do estádio – disse Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Flamengo.

Publicidade
A decisão foi influenciada pelo inquérito do Ministério Público que acusa OAS, Odebrecht, Adrade Gutierrez e Queiroz Galvão de formação de cartel em licitações do estado, incluída a do Maracanã. A PGE recomendava uma nova licitação por causa das acusações da Lava-Jato. A licitação em vigor, que já era considerada fraca por causa das mudanças de contrato, ficou mais sensível como as delações da Operação Calicute, que apontavam superfaturamento na obra e cartel na licitação em administração do estádio.

Com isso, a venda da Maracanã S.A., atual administradora do estádio e que trocaria de controladora, fica comprometida. A Odebrecht já tinha assinado um pré-contrato com a Lagardère, vendendo as ações da empresa por R$ 60 milhões. A compra ainda não foi finalizada. O novo processo de licitação anula o atual contrato e, até agora, a Odebrecht será obrigada a gerir e manter o estádio até que o processo seja finalizado.

Nem Odebrecht, nem Lagardère se manifestaram até o momento.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/esportes/governo-do-rio-vai-abrir-nova-licitacao-para-maracana-21235398#ixzz4ep0vWQc9
© 1996 - 2017. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.


20/04/2017

Fonte: O Globo.com

 



Avisos Licitações
Licitacao.net é um serviço de Business Online Comunicação de Dados Ltda. © 2012 Licitacao.net